• English
  • Português
  • Español
Crescimento com distribuição

Agronegócio

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio deve chegar a R$ 1,03 trilhão em 2014, valor 4% superior ao de 2013 (R$ 991,96 bilhões). Caso a previsão se confirme, o PIB do setor terá crescido 34% em dez anos.

 

De cada quatro produtos agrícolas consumidos no mundo, um é brasileiro

As exportações do agronegócio mantiveram sua trajetória de alta, chegando a US$ 99,97 bilhões em 2013, crescimento de 4,3% em relação a 2012. O Brasil é líder mundial em exportações de café, açúcar, suco de laranja, carne bovina, carne de frango, soja em grãos e milho. E mais: de cada quatro produtos agrícolas consumidos no mundo, um é brasileiro.

O peso do agronegócio na balança comercial é cada vez mais significativo. Em 2013, o setor foi responsável por 41,28% das exportações brasileiras. A China ultrapassou a União Europeia e é hoje o principal destino das exportações do agronegócio brasileiro: 22,9% do total vai para aquele país. Em 2013, a China importou US$ 22,88 bilhões em produtos agropecuários brasileiros, crescimento de 27,3% em relação a 2012.

Conheça o Plano Agrícola e Pecuário 2013/2014

Agricultura produz mais em espaço cada vez menor

Entre as safras 2001/2002 e 20013/2014, a produção brasileira de grãos cresceu 98%, enquanto a área cultivada aumentou apenas 40%. O aumento da produtividade se deu graças à pesquisa agrícola e aos investimentos em tecnologia e inovação. Na pecuária, os resultados também são cada vez melhores: o setor cresce a uma taxa de 5% ao ano. O Brasil possui hoje o maior rebanho comercial bovino do mundo, com 210 milhões de cabeças. Essa expansão foi obtida com avanços nas áreas de melhoramento genético, controle de doenças e qualidade das pastagens.